Educadores devem apontar os problemas

Os educadores têm mais um compromisso após a greve. Em reunião com representantes da Secretaria de Recursos Humanos e da Secretaria de Educação, devem denunciar as ameaças vivenciadas antes, durante e depois da greve de novembro. O acordo foi firmado como requisito para a suspensão do movimento. A gestão se comprometeu a apurar o assédio moral e a responsabilizar os assediadores.


Nessa mesma reunião, os educadores também devem apontar problemas com relação a condições de trabalho, declarações, hora permanência, falta de materiais, entre outros.
 
 
Notícias relacionadas

15 de maio – Dia do/da Assistente Social

No Dia do Assistente Social, reconhecemos o papel crucial desses profissionais na construção de uma sociedade mais justa e inclusiva. Seu trabalho é fundamental para garantir que todos tenham acesso aos seus direitos básicos e vivam com dignidade. Vamos valorizar

Leia mais »