Nota de falecimento: Márcio Marins de Jagun

O SISMUC lamenta o falecimento de Márcio Marins de Jagun, ocorrido
na manhã de hoje (24/04), no Hospital de Clínicas em Curitiba, após meses de
luta contra a microbactéria avium. Em virtude da pandemia do coronavírus, não
haverá velório.

Márcio Marins é uma referência do movimento LGBTI+ em
Curitiba. Natural da cidade do Rio de Janeiro, tinha um histórico de 30 anos de
militância no Grupo Atobá naquela cidade. Desde 2005, residia em Curitiba e
integrava a Associação Paranaense da Parada da Diversidade (APPAD), estando sempre à frente da
organização da Parada na cidade.

Foi fundador do Dom da Terra AfroLGBTI e integrante do Fórum
de Religiões de Matrizes Africanas de Curitiba e Região Metropolitana. Márcio
também atuava na Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis,
Transexuais e Intersexos. Exercia um papel muito atuante no Conselho Permanente
dos Direitos Humanos do Estado do Paraná. Também atuou como carnavalesco premiado
em Curitiba.

O SISMUC expressa sua solidariedade a todos os amigos e
companheiros de luta.

Com informações da nota assinada por: Associação Paranaense
da Parada da Diversidade, Dom da Terra AfroLGBTI, Grupo Dignidade, Aliança
Nacional LGBTI+ e Centro Paranaense da Cidadania

Verified by ExactMetrics
Verified by ExactMetrics