“Gestão anterior inaugurou CMEIs sem nada dentro”, diz vereador

Registro do vereador Ezequias Barros (PRP) sobre reunião nessa terça-feira (14) com a secretária da Educação de Curitiba, Maria Silvia Winkeler, gerou debate na sessão desta quarta-feira (15) sobre a fila de espera nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs). Ele disse ter sido informado que “a gestão anterior inaugurou alguns CMEIs que não têm nada dentro. Mobiliário, professores… logo não tem como ter crianças”.

“Inaugurar por inaugurar a gente repudia”, continuou Barros. Para ele, uma solução para atender a fila de espera nos CMEIs seriam parcerias entre o Executivo de Curitiba e creches, devido ao valor elevado para a construção desses equipamentos públicos e sua manutenção. “A prefeitura pagaria o valor equivalente a cada aluno”, propôs.

“O assunto [da falta de vagas] tem nos preocupado muito. A comunidade fica muito tempo na fila”, afirmou Oscalino do Povo (PTN), que alertou que CMEIs inaugurados e que não estão em funcionamento podem ser vandalizados. “A comunidade cobra da gente“, comentou Professor Silberto (PMDB).

“O ex-prefeito aumentou o orçamento da educação de 25% para 30%. Eu o questionei se havia dinheiro”, disse Sabino Picolo (DEM). Na avaliação do parlamentar, com a “arrecadação insuficiente” é necessário “aumentar a eficiência dos funcionários que estão conduzindo a educação”. “É uma coisa que vamos ter que conviver, fazer mais com menos”, apontou.

Cacá Pereira (PSDC) defendeu o projeto de sua iniciativa para a criação do Programa Auxílio-Creche, um vale mensal de R$ 450 que seria pago pela prefeitura às mães das crianças em situação de vulnerabilidade socioeconômica à espera de vaga nos CMEIs (leia mais). “A ideia é provocar, no mínimo, o debate sobre a questão. Evidentemente que o ideal seria o Município oferecer toda a infraestrutura, mas temos ter as vagas para atender as crianças”, argumentou.

Mudanças na educação municipal questionadas em plenário

Nota de pesar José Haroldo Ludewig

É com profundo pesar que recebemos a notícia do falecimento de José Haroldo Ludewig, servidor que dedicou parte significativa de sua vida ao serviço público. José iniciou sua jornada como Auxiliar de Serviços Escolares em 2012, na Escola CEI Lina

Leia mais »