Bloqueio judicial nas contas da Prefeitura de Araucária ameaça 13º salário

Servidores de Araucária estiveram  na Prefeitura Municipal para cobrar uma posição da administração com respeito ao pagamento do 13º salário. A categoria entrou em alerta após tomar conhecimento do bloqueio de R$ 7,6 milhões das contas da Prefeitura para saldar a dívida com o instituto responsável pela gestão do Hospital Municipal.

O pedido de bloqueio foi feito pelo Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano (INDSH). A decisão foi tomada pelo juiz Carlos Alberto Costa Ritzmann, da 2ª Vara da Fazenda Pública.

Na sala de espera do quarto andar do Paço Municipal, os servidores conversaram com o procurador do Município Carlos Alberto Grolli e com o secretário de Comunicação Social Pedro Rodrigues Neto.

Grolli afirmou que a Procuradoria Geral do Município entra hoje com pedido de cassação da medida judicial. Ele espera que ainda hoje ou amanhã tenha alguma resposta. Rodrigues Neto informou que o secretário de Finanças lhe garantiu que há dinheiro para pagar os servidores.

Mobilização

Os servidores, junto com as direções do Sismmar e do Sifar, decidiram aguardar até esta terça-feira, 20, que é o dia do pagamento do 13º salário, para dar continuidade à mobilização. Se o pagamento não cair na conta logo cedo, terá início uma vigília na frente da Prefeitura, a partir das 9 horas.

Todos os servidores estão convocados. Como não há decisão de assembleia para paralisar os serviços neste momento, cada local de trabalho deve se organizar e manter representantes na vigília o tempo todo, em forma de revezamento. Fiquem alertas para possível convocação urgente da categoria para defender seus direitos!

Os servidores representados pelo Sifar já decidiram entrar em greve no primeiro dia útil de 2017, caso não ocorram os pagamentos integrais do 13º e do salário de dezembro. Se na volta das férias houver algum pagamento pendente, o magistério também pode decidir por greve em assembleia já marcada par 1º de fevereiro.

Nota de pesar José Haroldo Ludewig

É com profundo pesar que recebemos a notícia do falecimento de José Haroldo Ludewig, servidor que dedicou parte significativa de sua vida ao serviço público. José iniciou sua jornada como Auxiliar de Serviços Escolares em 2012, na Escola CEI Lina

Leia mais »