Notícias

Imprimir
  • 12/05/2021 Educação

    Sindicatos cobram calendário de vacinação para servidores da educação e da FAS

    Sindicatos cobram calendário de vacinação para servidores da educação e da FAS
    Governo estadual iniciou o cronograma de vacinação dos trabalhadores da educação nesta semana.Servidores da FAS também aguardam cronograma

    Nesta terça-feira (11), os sindicatos SISMUC e SISMMAC cobraram mais uma vez, via ofício, a vacinação imediata de todos os trabalhadores da educação lotados em unidades de ensino da rede municipal de Curitiba.

    O governo do Estado do Paraná iniciou nesta semana, paralelamente ao retorno do ensino híbrido na rede estadual, o cronograma de vacinação dos trabalhadores da educação, atendendo primeiramente a faixa etária de 55 à 59 anos. No entanto, a Prefeitura de Curitiba ainda não divulgou um plano de vacinação para os profissionais da rede municipal, sendo que o Plano Nacional de Vacinação contra a COVID-19, publicado pelo Ministério da Saúde, elenca os profissionais da educação como um dos grupos prioritários.

    No documento, os sindicatos lembram que muitas discussões e projetos são promovidos acerca do retorno das aulas presenciais, mas que antes de qualquer planejamento de retomada é preciso garantir a vacinação de todos os trabalhadores da educação. Essa é a única forma de minimizar o contágio e proporcionar um retorno das aulas presenciais mais seguro, levando em consideração que nas escolas públicas municipais não há condições materiais ou de estrutura para aplicar um protocolo sanitário adequado.

    Por isso, as direções dos sindicatos entendem que é necessário e urgente a realização, divulgação e operacionalização de um cronograma de vacinação para todos os servidores municipais da educação. Você pode conferir o ofício na íntegra no box ao lado.

    Servidores da FAS

    Os servidores da Fundação de Ação Social (FAS) realizam atendimento para as pessoas mais vulneráveis da sociedade sem EPIs adequados e estão em risco constante de contaminação por Covid-19. Já são mais de 14 meses trabalhando na linha de frente no combate ao coronavírus, e desde o início da pandemia já teve óbitos de servidores vítimas da Covid-19, casos de surtos da doença em equipamentos e servidores internados. E mesmo com todos esses fatores, a assistência social, que é reconhecida como atividade essencial no estado do Paraná, não está inclusa entre os grupos prioritários para imunização em Curitiba.

    Por iniciativa dos gestores, alguns estados e municípios anteciparam a vacinação dos trabalhadores da assistência social. Aqui em Curitiba, os sindicatos já enviaram ofícios, solicitaram ações para a direção da FAS, denunciaram a situação dos trabalhadores e fez cobranças nos Conselhos Municipais de Saúde e de Assistência Social. No entanto, até agora nada foi feito para rever a prioridade no cronograma de imunização no município. A verdade é que falta vontade política da gestão para garantir a vacinação!

    Por isso, os sindicatos também seguem cobrando a vacinação para os servidores da FAS com urgência! Na próxima terça-feira (18), teremos a assembleia da FAS para debater ações para vacinação já. Convide seus colegas e participe! Vamos juntos fortalecer a mobilização para reivindicar Vacinação Já para a FAS!

    Imprensa SISMUC SISMMAC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS