Notícias

Imprimir
  • 02/07/2021 Educação

    Assembleia virtual debate retomada das aulas presenciais no dia 22

    Assembleia virtual debate retomada das aulas presenciais no dia 22
    Retorno das aulas no formato híbrido foi anunciado sem ouvir os trabalhadores e sem apresentar novos protocolos sanitários

    O SISMUC e o SISMMAC convocam as servidoras e servidores da educação para a assembleia geral que será realizada no dia 22 de julho, a partir das 18h30, pela plataforma Zoom. A pauta da assembleia é debater e definir ações sobre o retorno presencial das aulas na rede municipal de ensino.

    Para participar, faça sua inscrição com antecedência em https://bit.ly/AssembleiaJulho e não se esqueça de criar uma conta no Zoom para facilitar seu acesso!

    Retorno presencial seguro depende de vacinação e condições adequadas para cumprimento de protocolos

    A Prefeitura pretende retomar o formato híbrido em 50 CMEIs e 50 escolas no dia 19 de julho, com previsão de retomada no restante das unidades no dia 2 de agosto. O anúncio desse retorno foi feito sem ouvir os trabalhadores e sem apresentar novos protocolos sanitários, ignorando a falta de condições adequadas na maioria das unidades e a evidente insuficiência dos protocolos adotados no início deste ano.

    A segurança no retorno das aulas presenciais depende do controle das taxas de transmissão da Covid-19 na cidade, do avanço da vacinação e da garantia de condições de estrutura adequadas para que escolas e CMEIs possam cumprir os protocolos sanitários necessários. E esses três aspectos ainda são muito frágeis em Curitiba.

    A vacinação dos professores e demais trabalhadores da educação básica começou no dia 17 de maio em Curitiba e o cronograma para a segunda dose depende do intervalo indicado pelo fabricante. Na enquete realizada pelos sindicatos na assembleia do dia 17 de junho, 37% dos participantes afirmaram que devem receber a segunda dose em agosto e 44% em setembro. Esse levantamento permite estimar como será o ritmo de imunização do conjunto da categoria.

    Até o momento, Curitiba imunizou cerca de 13% da população acima de 18 anos com as duas doses da vacina ou com a vacina de dose única. O percentual de quem recebeu a primeira dose está em 53,1%.

    Para controlar a pandemia, é preciso que o percentual de imunizados alcance cerca de 70% da população. A partir desse percentual, é possível pensar em imunidade de rebanho ou de grupo, pois os já vacinados criam uma proteção coletiva capaz de controlar a transmissão do vírus.

    Junto com a vacinação e o controle das taxas de transmissão, também é preciso garantir condições para que escolas e CMEIs cumpram os protocolos necessários. Após pressão dos sindicatos, a Secretaria Municipal de Educação agendou uma reunião para o dia 6 de julho.

Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS