Notícias

Imprimir
  • 15/10/2020 Educação

    Dia dos professores: na luta por nossos direitos!

    Dia dos professores: na luta por nossos direitos!
    Arte: CTRL S
    No seu dia, professoras e professores de educação infantil seguem firmes na luta pela garantia dos seus direitos
    15 de outubro é o dia das professoras e professores de educação infantil receberem parabéns e agradecimento pelo seu trabalho. E os parabéns são merecidos! Afinal, as trabalhadoras e trabalhadores que se dedicam à educação infantil realizam um lindo trabalho e de extrema importância. Tudo o que as crianças aprendem e a forma como se desenvolvem na educação infantil terá reflexos por toda a vida.

    Só que, infelizmente, esse trabalho tão importante não recebe a valorização devida. Quando se trata do desgoverno Greca, o descaso é ainda maior. Essa gestão municipal sabe fazer discursos bonitos, mas no dia a dia, nas salas dos CMEIs ou agora no trabalho remoto durante a pandemia, o que os professores de educação infantil vivenciam são exemplos constantes de desvalorização.

    O que os professores querem de verdade, para além de homenagens pelo seu dia, é valorização e garantia dos seus direitos, além de condições adequadas para realizar o seu trabalho. Só que o que vem ocorrendo é justamente o contrário, a cada ano, mais e mais direitos são retirados dos trabalhadores. 

    Como primeiro ato do seu desgoverno, Greca implantou um pacotaço violento que atacou muitos direitos dos servidores, congelou carreiras e retirou quase R$ 700 milhões do IPMC. Em 2019, no desdobramento do pacotaço, ainda mais ataques com congelamento dos planos de carreira até 2021, reajuste que não repôs as perdas históricas e ataque à organização dos trabalhadores.

    Mas, quando se fala da carreira da educação infantil a situação é ainda pior, já que para esses professores, o plano de carreira aprovado sequer chegou a ser implementado.

    Celebração dos servidores

    Se o cenário enfrentado é desafiador, é com união que todos nós trabalhadores seguiremos na luta por nossos direitos. Este ano, devido à pandemia, as celebrações do dia do servidor tiveram de ser alteradas para preservar a saúde e a segurança de todos.

    Mas, se não podemos estar juntos pessoalmente, estaremos reunidos virtualmente para celebrar a união dos trabalhadores.

    O SISMUC e o SISMMAC estão preparando uma programação especial para a Live Cultural do Servidor. Será no dia 31 de outubro, às 16 horas. Salve esta data para acompanhar pelo Facebook e Youtube dos sindicatos uma programação artística com música, dança, poesia e muita graça. Mais informações em breve.
    Isso sem falar dos ataques que vieram do governo federal, como a desumana Reforma da Previdência e a Lei Complementar 173/2020 que congelou a contagem por tempo de serviço, afetando o quinquênio dos servidores. Agora, o governo se prepara para lançar mais uma bomba, a de Reforma Administrativa, que quer destruir os serviços públicos.

    E se o trabalho da educação infantil já estava desafiador, com a pandemia do novo coronavírus a situação só piorou. As atividades presenciais para entrega dos kits de alimentação e das atividades pedagógicas deixam as trabalhadoras e trabalhadores expostos a riscos de contágio pelo vírus – já que a Prefeitura falha em garantir os EPIs adequados – e também a casos de violência. Na última semana, mais um CMEI foi alvo de um assalto a mão armada e as trabalhadoras que estavam no local vivenciaram momentos de terror.

    Com tudo isso, as professoras e professores de educação infantil, infelizmente têm muito pouco a comemorar. Para nós, esse é mais um dia de luta. Muito além de homenagens, os professores de educação infantil merecem condições dignas de trabalho, valorização e a garantia dos seus direitos!
    Imprensa SISMUC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS