Notícias

Imprimir
  • 07/07/2022 Na Pauta

    Mesa de negociação debate melhorias para IPMC e ICS

    Mesa de negociação debate melhorias para IPMC e ICS
    Ana Carolina Pacífico
    Para avançar nas negociações das pautas gerais, reivindicamos a revogação da Reforma da Previdência, reforçamos a necessidade de melhorar os atendimentos no ICS e de ampliação na área de abrangência.

    O SISMUC se reuniu com a Secretaria Municipal de Administração, Gestão de Pessoal (SMAP) e representantes do Instituto de Previdência de Curitiba (IPMC) e do Instituto Curitiba de Saúde (ICS) para discussão dos pontos referentes às pautas gerais dos servidores.

    Nos colocamos, mais uma vez, contrários à Reforma da Previdência — que impôs o oneroso confisco de 14% aos servidores aposentados, reforçando a necessidade de sua revogação. Questionamos a administração se houve auditoria no IPMC para verificar a origem e as causas do déficit que justificam a alíquota de 14%. Em resposta, a gestão afirma que a avaliação é feita anualmente, e que fatores como as taxas de juros e a elevação na expectativa de vida dos servidores influenciam no cálculo de cada ano.

    “A Prefeitura não respondeu sobre a auditoria e diz que faz o cálculo atuarial. Por isso, o SISMUC já entrou com pedido de auditoria junto ao ministério da previdência e ministério publico”, afirma Irene Rodrigues, dirigente do SISMUC.

    Desconto do ICS - SISMUC coloca que houve aumento na alíquota do ICS e uma queda na qualidade do serviço. Há algum tempo, as especialidades dentro da própria unidade do ICS eram muito maiores do que quando comparamos atualmente. “[o atendimento] está muito reduzido e, para os servidores de mais idade, que possuem maiores necessidades, o ICS tá pesado. Ainda mais porque têm 14% retirados dos seus salários”, comenta Irene Rodrigues em reunião.

    Além disso, há a falta de médicos em muitas especialidades, como a geriatria, imunologia e odontologia. Ao indagarmos sobre a retirada dessas e outras especialidades, o ICS se comprometeu a avaliar a possibilidade junto à Diretoria de Saúde.

    Para o SISMUC, o ICS é dos servidores e historicamente o Sindicato fez e faz a sua defesa, mas ele se torna inviável quando a unidade não dá conta de atender às demandas de atendimento e o servidor é obrigado a recorrer aos credenciados, que têm cobrança de coparticipação.

    Diante do exposto, a Administração se comprometeu a realizar estudo de viabilidade para que exames solicitados pela Atenção Primária de Saúde dentro do ICS sejam sem custos para o servidor. O estudo será apresentado ao Sindicato dentro de 45 dias.

    Ampliação na área de abrangência -Também questionamos a possibilidade de ampliar a área de abrangência para regiões para além de Curitiba, como a Região Metropolitana e os municípios do litoral. A administração sugeriu realizar um estudo de viabilização.

    Confira a ata da reunião aqui.

    No dia 13 de julho, retornaremos à SMAP para dar continuidade às negociações relacionadas à pauta geral.



    Imprensa SISMUC - Ana Carolina Pacífico
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Monsenhor Celso, 225 - Centro, Curitiba - PR CEP: 80010-150     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS