Notícias

Imprimir
  • 16/05/2020 Defesa Social

    Fala, Servidor: irresponsabilidade de gestão da FAS atinge trabalhadores

    Fala, Servidor: irresponsabilidade de gestão da FAS atinge trabalhadores
    Arte: Ctrl S
    Além de não receber os EPIs adequados, a Prefeitura tem feito muito pouco em relação a outras medidas que podem proteger os trabalhadores.

    Quem cuida dos que estão em vulnerabilidade social durante à pandemia? Você já parou para pensar como ficarão os mais pobres e aqueles que não tem onde morar quando o inverno chegar? E mesmo antes disso, como e onde estão essas pessoas?

    No dia do assistente social, comemorado em 15 de maio, lembramos o trabalho destes profissionais que atuam na FAS e têm se desdobrado para atender a população mais pobre com a maior qualidade que podem! Mas, é responsabilidade do desgoverno Greca dar subsídio para que esse atendimento aconteça. Além de não receber os EPIs adequados como no depoimento do João, a Prefeitura tem feito muito pouco em relação a outras medidas que podem proteger os trabalhadores.

    É necessário que seja realizada a limpeza dos locais de forma adequada e constante, além disso, a distribuição de álcool gel e produtos de limpeza deve ser feita de forma abundante, tanto nas unidades, como para a comunidade.

    Em reunião com o SISMUC o Sindicato negou a utilização de máscaras de pano pelos trabalhadores da FAS. O que queremos é a garantia da máxima segurança possível para todos aqueles que estão na linha de frente do combate à covid-19 e em contato direto com a população. Infelizmente, além de não respeitar a negociação com o Sindicato, a administração também não tem cumprido sua promessa de higienização correta dos veículos.

    A irresponsabilidade dos governantes com a Covid-19 tem levado o país ao aumento constante no número de mortos e de infectados pela doença. As atitudes tomadas hoje, representam o que seremos daqui quinze dias. E, a vida dos nossos trabalhadores precisa estar a frente dos lucros dos grandes empresários e também da politicagem dos que tentam a reeleição, como o desprefeito.

    O funcionalismo de Curitiba não é apenas um número! Os trabalhadores têm deixado suas casas para atender a população e realizar seu trabalho. É obrigação da prefeitura fazer com que estes trabalhadores se sintam seguros ao voltar para suas casas e para suas famílias.

    Imprensa SISMUC e SIFAR
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS