Na Pauta

  • 28/04/2022 Na Pauta

    Remanejamentos e concurso público são discutidos durante reunião do SISMUC com FAS e SMAP

    Remanejamentos e concurso público são discutidos durante reunião do SISMUC com FAS e SMAP
    Está previsto para este ano concurso público para Educadores Sociais e Técnicos de Enfermagem em Saúde Pública. Formato dos remanejamentos serão revistos.

    Na manhã desta quinta-feira (28/04), integrantes da direção do SISMUC participaram de uma reunião com a Fundação de Ação Social (FAS) e a Secretaria Municipal de Administração e Gestão Pessoal (SMAP), para tratar dos remanejamentos e concurso público para a categoria.

    Com a presença do superintendente executivo da FAS, Fernando Sztruk, da superintendente da SMAP, Luciana Varassin, entre outros técnicos das Secretarias, o Sindicato pautou a situação dos remanejamentos de servidores da FAS. Para o Sindicato, o formato adotado para realizar a mudança dos postos de trabalho dos profissionais, de um local para o outro, tem ocorrido de forma punitiva e até mesmo pessoal. Ou seja, atualmente não há critérios definidos e padronizados, ficando sempre pela decisão das direções de cada unidade.

    “A FAS que tem todo o cuidado e acolhimento com as pessoas, tem deixado a desejar com os seus servidores, fazendo um remanejamentos inadequados, sem parâmetros. Por isso, queremos que esse formato seja revisto e que possamos construir em conjunto, SISMUC, FAS e SMAP, um processo transparente, aos moldes do que vem sendo feito pela Secretaria Municipal de Educação (SME), que considera sempre os critérios de idade, disponibilidade de vaga na unidade de destino e a solicitação de remanejamento pelos profissionais.”

    A superintendência da FAS e da SMAP, explicaram que não é possível fazer o remanejamento igual o da SME, pois a peculiaridade das atividades desenvolvidas pela Fundação são diferentes das de outras Secretarias. Contudo, ficou acordado que, a partir dos encaminhamentos de pontos críticos e sugestões do SISMUC, será iniciado um processo de revisão da Ordem de Serviço n.º 01/2016 que trata dos remanejamentos.

    Outro ponto bastante pautado pelos servidores da FAS é a realização de concurso público. Para a categoria, há uma grande defasagem no efetivo de profissionais que atendem os diversos setores da Fundação.

    Segundo a superintendência da SMAP, no segundo semestre deste ano será realizado um concurso público para Educadores Sociais e Técnicos de Enfermagem em Saúde Pública. Entretanto, para outros cargos a previsão é que seja realizada a contratação apenas em 2023. “Neste momento está em processo de tramitação a contratação de uma entidade que será responsável pela realização do concurso, até o segundo semestre pretendemos que seja realizado, e, esperamos fazer a contratação ainda neste ano.”

    Na ocasião, o SISMUC questionou como se dará o fim do contrato dos Educadores Sociais contratados via Processo Seletivo Simplificado (PSS), já que há a preocupação das equipes da FAS ficarem ainda mais defasadas.

    “Estamos fazendo a renovação dos contratos dos Educadores Sociais contratados via PSS, garantindo que eles fiquem até a contratação dos profissionais via concurso público.”


    Imprensa SISMUC - Riquieli Capitani
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Monsenhor Celso, 225 - Centro, Curitiba - PR CEP: 80010-150     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS