Na Pauta

  • 17/08/2021 Na Pauta

    Sindicatos elegem novos conselheiros para o CAE

    Sindicatos elegem novos conselheiros para o CAE
    Arte: CTRL S
    Representantes dos trabalhadores foram eleitos para nova composição do Conselho, apesar do descaso da gestão

    Os servidores da educação elegeram em assembleia os novos representantes dos trabalhadores no Conselho de Alimentação Escolar (CAE) para o mandato 2021-2025. A assembleia conjunta virtual aconteceu na noite de segunda-feira (16) quando foram eleitos os conselheiros titulares e suplentes para compor o CAE. A categoria referendou a proposta dos sindicatos, SISMUC e SISMMAC, para recondução de diretoras liberadas para o mandato sindical para conselheiras titulares.

    Pelo SISMUC a diretora Walli Wanessa Sass de Paula foi reconduzida para conselheira titular e Rosana Maria Guimarães, do CMEI Itamarati, foi eleita como conselheira suplente.

    E pelo SISMMAC o cargo de conselheira titular ficou com a diretora Luciana Kopsch e Charlene Weirich Maulaz, da EM Albert Schweitzer, eleita como conselheira suplente.

    A assembleia foi convocada com pouca antecedência porque a Prefeitura de Curitiba, que é a Entidade Executora do CAE, negligenciou protocolos, informando aos representantes dos segmentos apenas no dia 10 de agosto de que o mandato de todos os conselheiros se encerrava agora na metade do mês. E, como prevê a lei 11.947/2009, os diversos segmentos que estão presentes no Conselho precisariam realizar novas eleições.

    Esse processo de eleição deveria acontecer com no mínimo 60 dias de antecedência e por meio de edital. Porém a gestão Greca ignorou até mesmo a cartilha elaborada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) em parceria com o Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição Escolar do Paraná (CECANE-PR), onde está detalhado todos os procedimentos para a renovação dos CAEs, que possuem mandatos de quatro anos.

    O CAE é um órgão fiscalizador, deliberativo e de assessoramento composto por representantes do poder executivo, dos trabalhadores, de pais de alunos e do conselho Regional de Nutrição e de Medicina Veterinária. Neste período de emergência para enfrentamento da pandemia de Covid-19 os sindicatos exerceram ativamente o papel de fiscalizar e denunciar as irregularidades.

    Os sindicatos denunciaram o uso irregular de recursos do FUNDEB para pagamento de empresas terceirizadas, cobrou a composição adequada dos kits de alimentação distribuídos para as famílias além de cobrar da administração municipal distribuição de equipamentos de proteção individual (EPIs) para os trabalhadores, entre outras ações.

    A vigilância dos conselheiros, representantes dos trabalhadores, continua nesta nova composição para garantir que os alimentos ofertados para os estudantes da rede sejam de qualidade e que os recursos sejam usados adequadamente. A denúncia dos trabalhadores pelo whatsapp 99988-2680 é um canal importante para que possamos cobrar a gestão. E os servidores também podem buscar o CAE pelo email cescolar@curitiba.pr.gov.br em caso de denúncias.

    É com a união dos trabalhadores que vamos avançar na melhoria dos serviços públicos.

    Imprensa SISMUC SISMMAC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS