Na Pauta

  • 15/07/2020 Geral

    Greca deveria garantir o fornecimento de água nos equipamentos em dias de suspensão no abastecimento

    Greca deveria garantir o fornecimento de água nos equipamentos em dias de suspensão no abastecimento
    Arte: Ctrl S
    Falta de água em equipamentos municipais coloca servidores e população em risco de contaminação da Covid-19. Caminhão pipa deveria garantir o abastecimento

    Além da pandemia do coronavírus estamos vivendo também as dificuldades por conta da estiagem que está impondo o rodízio no fornecimento de água em Curitiba. Mas, diante de uma situação de pandemia, onde a higienização constante é fator importante no combate e enfrentamento do novo coronavírus, é no mínimo um contrassenso que equipamentos municipais da saúde mantenham o atendimento sem água. É uma situação que coloca em risco os trabalhadores e comunidade atendida!

    Essa situação vem se repetindo em vários equipamentos municipais. Na última terça-feira (14), os servidores da Unidade Básica de Saúde Santa Quitéria 2 estavam atendendo sem uma gota de água na torneira. A unidade está com atendimento direcionado para vacinação, durante este período de emergência, e não havia água para lavar as mãos após aplicação de vacina, ou usar o banheiro, em um completo retrato da falta de condições adequadas para o trabalho.

    Tudo isso, em meio ao aumento de casos de servidores municipais contaminados com a Covid-19. Se a gestão do desprefeito Greca não tomar providências, como disponibilizar caminhão pipa para os equipamentos sem água, a tendência de contaminação entre os servidores pode aumentar. 

    A gestão está negligenciando as medidas de controle e colocando os servidores em risco!

    “Lave as mãos” é uma das principais recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para evitar a contaminação do coronavírus. É medida adotada em todo o mundo. Mas como fazer isso sem água?

    Os sindicatos sabem que a situação é crítica, mas entendem que é possível estabelecer medidas administrativas como enviar um caminhão pipa, para atender os equipamentos no dia que estão sem água. Principalmente para equipamentos da Saúde e Fundação de Assistência Social (FAS) que estão na linha de frente no atendimento da população, neste período de emergência em saúde pública.

    Os servidores municipais estão se sentindo negligenciados, abandonados pela gestão durante a pandemia do novo coronavírus.

    É com a união da força dos trabalhadores que vamos enfrentar os ataques e o descaso da administração municipal.

    Se você tem algum problema no seu local de trabalho nos informe pelo canal Fala, Servidor!, por meio do whatsapp (41) 99661-9335, que integra o Movimento de Proteção à Vida dos Trabalhadores. A informação será tratada com sigilo.

    Vaza, Greca! O pior prefeito de Curitiba!

    Imprensa SISMUC SISMMAC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS