Notícias

Imprimir
  • 05/12/2017 Geral

    Conselho Municipal de Educação vota redimensionamento amanhã

    Conselho Municipal de Educação vota redimensionamento amanhã
    Andréa Rosendo
    Sismuc convoca comunidade escolar para ato amanhã, 8h, em frente ao Conselho
    Nesta quarta-feira(06), a partir das 8h30, acontecerá a votação da Deliberação nº 01/2016, do Conselho Municipal de Educação(CME), que diz respeito ao redimensionamento nos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmei's). A proposta - que entra para votação dos 15 conselheiros - aumenta o número de crianças por turma e provoca a redução de profissionais que atuam nos equipamentos. O Sismuc convoca a comunidade escolar para estar presente amanhã na sede do CME para impedir que essa medida seja aprovada. O CME fica na rua Dr. Roberto Barroso, 630, Bom Retiro.

    Para a coordenadora de Comunicação do Sismuc, Soraya Zgoda, é importante mobilizar pais, mães, funcionários e professores da educação infantil para impedir que os Cmei’s se transformem em depósitos de crianças. “O que a comunidade escolar precisa entender é que não podemos ser prejudicados pela gestão de Rafael Greca. O prefeito quer nos enganar quando tenta nos passar a ideia de que vai ampliar as vagas para a educação infantil. Isso é uma mentira. O que a gestão quer fazer é encher os Cmei’s de crianças e reduzir o número de profissionais. Também quer que os 14 novos equipamentos funcionem sem a qualidade pedagógica necessária para a aprendizagem das crianças”, pontua Soraya.

    Formação técnica inferior
    Além de aumentar o número de crianças por sala e reduzir o número dos profissionais, a proposta da prefeitura, encaminhada pela Secretaria Municipal de Educação(SME) para votação dos conselheiros dos CME, é reduzir o nível de escolaridade necessária para o atendimento dos estudantes. “Querem nos transformar em auxiliares, ou seja, sem a formação mínima já exigida que é a formação em magistério(nível médio). Não podemos aceitar um projeto que, em relação à nossa  formação profissional, vai contra a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Infantil (LDB), o Plano Municipal de Educação em Curitiba(PME) e as deliberações das conferências de educação”, acrescenta Soraya.

    Em defesa da educação pública, gratuita e de qualidade, o Sismuc convoca a comunidade escolar para impedir esse retrocesso. A mudança, prevista no plano de governo de Rafael Greca, precariza a Educação Infantil, pois inferioriza as condições de trabalho dos professores, prejudica o aprendizado dos alunos e reduz a contratação de profissionais.

    Agenda
    Mobilização contra o redimensionamento
    6 de dezembro | 8h | Conselho Municipal de Educação(CME) | Dr. Roberto Barroso, 630, Bom Retiro.

Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Monsenhor Celso, 225, 9º andar. Conjunto 901/902 - Centro. Curitiba- PR. Cep: 80010-150     Fone/Fax: (41) 3322-2475     E-mail: sismuc@sismuc.org.br

DOHMS