Notícias

Imprimir
  • 29/11/2019 Geral

    Vitória da greve: pagamento do auxílio-transporte continua em dinheiro

    Vitória da greve: pagamento do auxílio-transporte continua em dinheiro
    Arte: SISMUC SISMMAC
    Todos os servidores municipais continuarão a receber o auxílio-transporte em pecúnia
    Na tarde desta sexta-feira (29), o sindicatos SISMMAC e SISMUC receberam um ofício da Prefeitura confirmando que o pagamento do auxílio-transporte será em pecúnia. O substitutivo que reverteu as medidas do Decreto 958/2019 foi resultado da força das servidoras e servidores que deram um exemplo de mobilização e união na greve do dia 18 de novembro contra o novo pacotaço do desgoverno Greca.

    O Decreto 958/2019, que regulamentava um dos ataques aprovados no pacotaço de 2017, determinava a mudança na forma de pagamento do auxílio-transporte, de dinheiro para crédito no cartão transporte. Essa medida representa, em média, a diminuição de R$250,00 no salário do funcionalismo. Isso seria mais uma redução salarial, já que grande parte da categoria não utiliza os meios de transporte coletivos e usa o auxílio-transporte para pagar o combustível e chegar até o local de trabalho.


    O substitutivo aprovado na Câmara Municipal nos dias 18 e 19 de novembro apresentou uma redação confusa, que abriu margem para a gestão definir se vai fazer o pagamento em pecúnia ou no cartão do ônibus. Por isso, as direções do SISMMAC e do SISMUC enviaram um ofício conjunto para exigir esclarecimentos sobre a decisão final da Prefeitura.

    Além de confirmar o pagamento do auxílio-transporte em pecúnia, a Prefeitura também afirma que mesmo os servidores que realizaram o recadastramento não passarão a receber créditos no cartão-transporte.

    Manobra

    A gestão Greca se engana se acha que essa medida vai diminuir a indignação das servidoras e servidores municipais. Antes de responder aos Sindicatos, a administração utilizou as redes sociais para dar a notícia do auxílio-transporte. E em vez de formular uma resposta no ofício, simplesmente anexaram uma matéria do site da Prefeitura. Além de ser um descaso, isso mostra uma clara intenção de enganar os servidores com um falso “agrado” e se livrar da imagem de vilão. No entanto, o funcionalismo público nunca vai esquecer o legado de retirada de direitos que representa a trajetória dessa gestão!

    Imprensa SISMUC SISMMAC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br
Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

DOHMS