Notícias

Imprimir
  • 30/05/2019 Geral

    Pauta específica dos fiscais foi tema de mesa de negociação nesta quinta-feira

    Pauta específica dos fiscais foi tema de mesa de negociação nesta quinta-feira
    Repórter da base
    Como de costume, mesa não trouxe avanços para categoria e foi marcada pela ausência de representante da secretaria de Meio Ambiente
    Os fiscais foram a primeira categoria de servidores da Prefeitura de Curitiba que tiveram mesa de negociação de pauta específica. A reunião aconteceu nesta quinta-feira (30), e terminou sem avanços para a categoria, e com descaso da secretaria de Meio Ambiente que não enviou representante para discutir as reivindicações. Apenas as secretarias de Abastecimento e de Urbanismo, que possuem fiscais em seus quadros, participaram da negociação, além de representantes do Recursos Humanos. O SISMUC solicitou que uma reunião dos fiscais com representantes do Meio Ambiente ocorra no prazo de 15 dias, pois não foi a primeira vez que a gestão da secretaria ignorou os servidores.

    Com fiscais em diferentes secretarias da administração, uma das reivindicações da categoria é criar uma identificação padronizada específica dos fiscais, visando maior segurança para os profissionais. A padronização do protocolo de procedimentos de fiscalização dentro da Prefeitura também foi colocada em pauta e nas duas situações a administração se comprometeu em estudar a possibilidade de melhorias.

    Um das questões também colocada em pauta foi a revisão dos descritivo de cargo de fiscal, atualizado no início deste ano, sem participação do sindicato, e que trouxe alguns pontos que os fiscais não concordam. Um deles foi a inclusão da atividade de motorista no novo descritivo, exigindo que os profissionais realizem a dupla função sem pagar por isso. A administração justificou que o veículo deve ser entendido como um instrumento de trabalho, como seria um telefone, um computador, ponto em que não teve acordo entre as partes, pois a direção implica em riscos diferentes dos riscos da atividade de fiscalização.

    Melhor qualidade dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e dos coletes utilizados também entraram na pauta de reivindicações, mas como é de costume na gestão do Greca, todas as questões serão estudadas.

    O SISMUC ainda reforçou durante a reunião a necessidade de promover um forte trabalho preventivo contra a prática de assédio moral e a necessidade de aperfeiçoamento da comunicação interna dentro das secretarias.

    As mesas de negociações são um importante instrumento dos trabalhadores para apresentar os problemas que enfrentam na execução de suas atividades e buscar melhores condições de trabalho. Mas na atual administração tem sido um momento de repasse de negativas e possibilidades de estudos. Somente a união dos servidores poderá mudar este cenário de uma administração autoritária que não preza pelo diálogo e a qualidade dos serviços.

    As cláusulas econômicas, que tratam do piso da categoria, reajuste de gratificações e da data-base serão discutidas a partir de setembro. Em breve divulgaremos a ata da reunião com as respostas completas da administração às pautas apresentadas.


    Imprensa SISMUC
Voltar para o Índice

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba
Rua Nunes Machado, 1577 - Rebouças, Curitiba - PR. CEP: 80220-070     Fone/Fax: (41) 3322-2475 | (41) 98407-4932     E-mail: sismuc@sismuc.org.br

DOHMS